Arquivo da tag: Formula para Fabricar Shampoo

Como fazer shampoo cabelo normal a oleoso

Formula Shampoo claro para Cabelos normais a gorduroso

Formula de produto de uso cosmético para higienização dos cabelos e que promove condicionamento leve.

O Jaguar C-162 é um agente condicionante para pele e cabelo, é uma goma guar quaternizada que condiciona os fios de cabelos, deixando os macios e fáceis de pentear.

Cocoamidopropil betaína é um anfótero que promove espuma, leve condicionamento dos fios capilares e promove suavidade ao produto.

Cropeptide W melhora as propriedades mecânicas dos cabelos, especialmente do fios capilares danificados quimicamente. É uma proteína condicionadora de trigo, possibilita controlar o teor de umidade no cabelo, principalmente naqueles danificados quimicamente.
O Pantenol (Pró-Vitamina B5) ajuda a hidratar, tem ação regeneradora, fortalece a raiz e os fios capilares, proteção contra danos externos, ajuda a reduzir a formação de pontas duplas, promove melhora nos sintomas de inflamação do couro cabeludo, facilita o pentear e proporciona mais volume aos cabelos, promove brilho aos fios, a textura dos fios é melhorada, deixando-os mais saudáveis.

Extrato de chá verde é estimulante, adstringente, antioxidante, antilipêmico e antibacteriano. Melhora a
microcirculação periférica, normalizando a permeabilidade capilar. Age também como anti-radicais livres e atua contra a queda de cabelos.

Formula do shampoo cabelos normal a oleoso:

Água deionizada 5115 g
Lauril éter sulfato de sódio (27%) 3500 g
Cocoamidopropil betaína 600 g
Jaguar C-162 15 g
Cropeptide W 100 g
D-Panthenol 30 g
Extrato de chá verde 50 g
Xiameter OFX-5330 Fluid 100 g
DMDM Hydantoin 20 g
Dehydol LS 2 250 g
Crothix Liquid 170 g
Essência 50 g

Modo de fazer o shampoo para cabelos normal a oleoso:

Em um recipiente adicione 4615 gramas de Água deionizada, Lauril éter sulfato de sódio, Cocoamidopropil betaina e misture até homogeneização.

Em outro recipiente adicione Jaguar C-162, Cropeptide W, D-Panthenol, 500 gramas de Água deionizada e misture até homogeneização. em seguida adicione essa mistura no produto sob agitação.

Em seguida adicione sob agitação o Extrato de chá verde, Xiameter OFX-5330 Fluid, DMDM Hydantoin, Dehydol LS 2, Crothix Liquid e misture até homogeneizar.

Por fim, perfumar com a Essência, adicionando sob agitação.

Misturar até a homogeneização do shampoo para cabelos normais a oleosos.

Formula shampoo popular cabelos oleosos

Como fazer shampoo popular indicado para cabelos oleosos

Formula popular é um tipo de formulação com uma quantidade menor de cada componente (se comparado com a formula Premium e a Regular disponíveis aqui no Formulas Grátis) que participa da principal função do produto, no caso dessa formula descrita abaixo, são os componentes utilizados para promover a higienização, redução da oleosidade e condicionamento dos cabelos.

Pode-se dizer que é um produto destinado para quem tem um poder aquisitivo baixo, ou deseja utilizar um produto com uma qualidade menor de detergência e ação antiestatica nos cabelos.

Formula transparente com bom poder de formação de espuma, apropriadas à limpeza e
cuidados dos cabelos oleosos. A associação do Lauril éter sulfato de sódio com a Amida 90 proporciona formulações com boa estabilidade de espuma e ótimo espessamento.

A presença do extrato de algas marinhas favorece a redução da oleosidade, algas marinhas também ajudam a remover as células mortas do couro cabeludo e a equilibrar os níveis de oleosidade.

O Poliquaternium 7 age como agente condicionante, facilitando o pentear dos cabelos e deixando-os fios maleáveis e condicionados.

A Amida 90 age como espessante, reduzindo a quantidade de sal para o acerto da viscosidade e também proporciona a formação de uma espuma rica e estável, onde as bolhas de espuma formadas pelo shampoo demoram mais para se desfazer.

Todos os componentes você encontra na Casa do saboeiro, menos o Poliquaternium e o Extrato glicólico de algas marinhas.

Formula para fazer o shampoo popular para cabelos oleosos:

Lauril éter sulfato de sódio 2000 g
Amida 90 200 g
Poliquaternium 7 130 g
Extrato glicólico de algas marinhas 30 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 7590 g

Modo de fazer o shampoo popular para cabelos oleosos:

Em um recipiente adicione a Água deionizada, sob agitação moderada adicione o EDTA dissódico, Lauril éter sulfato de sódio, Amida 90 e misture até homogeneização.

Verificar o pH (com a fita de medir ou com o aparelho pHmetro) que deve ficar entre 5,5 a 6,5. Se for necessário acerte o pH utilizando solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada.

Depois adicione sob agitação o Extrato glicólico de algas marinhas, Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture até homogeneização.

Colorir com solução de Corante diluído em Água deionizada até obter a cor desejada.

Solubilizar Cloreto de sódio em Água deionizada e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o xampu ficar espesso (grosso).

Tampar e deixar em repouso até a espuma formada durante a agitação abaixar, depois embalar nos frascos plásticos para xampu.

Formula shampoo regular cabelos oleosos

Como fazer shampoo regular indicado para cabelos oleosos

Formula regular é um tipo de formulação com uma quantidade menor de cada componente (se comparado com a formula premium) que participa da principal função do produto, no caso dessa formula descrita abaixo, são os componentes utilizados para promover a higienização, redução da oleosidade e condicionamento dos cabelos.

Pode-se dizer que é um produto destinado para quem tem um poder aquisitivo intermediário, ou deseja utilizar um produto com uma qualidade menor de detergência e ação antiestatica nos cabelos. É um xampu intermediário, fica entre o premium e o popular.

Formula transparente com excelente poder de formação de espuma, apropriadas à limpeza e
cuidados dos cabelos oleosos. A associação do Lauril éter sulfato de sódio com a Amida 90 proporciona formulações com boa estabilidade de espuma e ótimo espessamento.

A presença do extrato de algas marinhas favorece a redução da oleosidade, algas marinhas também ajudam a remover as células mortas do couro cabeludo e a equilibrar os níveis de oleosidade.

O Poliquaternium 7 age como agente condicionante, facilitando o pentear dos cabelos e deixando-os fios maleáveis e condicionados.

A Amida 90 age como espessante, reduzindo a quantidade de sal para o acerto da viscosidade e também proporciona a formação de uma espuma rica e estável, onde as bolhas de espuma formadas pelo shampoo demoram mais para se desfazer.

Todos os componentes você encontra na Jacy Fragrâncias, menos o Poliquaternium e o Extrato glicólico de algas marinhas.

Formula para fazer o shampoo regular para cabelos oleosos:

Lauril éter sulfato de sódio 2400 g
Amida 90 200 g
Poliquaternium 7 250 g
Extrato glicólico de algas marinhas 50 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 7050 g

Modo de fazer o shampoo regular para cabelos oleosos:

Em um recipiente adicione a Água deionizada, sob agitação moderada adicione o EDTA dissódico, Lauril éter sulfato de sódio, Amida 90 e misture até homogeneização.

Verificar o pH (com a fita de medir ou com o aparelho pHmetro) que deve ficar entre 5,5 a 6,5. Se for necessário acerte o pH utilizando solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada.

Depois adicione sob agitação o Extrato glicólico de algas marinhas, Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture até homogeneização.

Colorir com solução de Corante diluído em Água deionizada até obter a cor desejada.

Solubilizar Cloreto de sódio em Água deionizada e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o xampu ficar espesso (grosso).

Tampar e deixar em repouso até a espuma formada durante a agitação abaixar, depois embalar nos frascos plásticos para xampu.

Formula shampoo premium cabelos oleosos

Como fazer shampoo premium indicado para cabelos oleosos

Formulas premium é um tipo de formulação com uma quantidade maior de cada componente que participa da principal função do produto, no caso dessa formula descrita abaixo, são os componentes utilizados para promover a higienização, redução da oleosidade e condicionamento dos cabelos.

Pode-se dizer que é um produto destinado para quem tem um poder aquisitivo alto, ou deseja utilizar um produto com uma qualidade maior de detergência e ação antiestatica nos cabelos.

Formula transparente com excelente poder de formação de espuma, apropriadas à limpeza e
cuidados dos cabelos oleosos. A associação do Lauril éter sulfato de sódio com a Amida 90 proporciona formulações com boa estabilidade de espuma e ótimo espessamento.

A presença do extrato de algas marinhas favorece a redução da oleosidade, algas marinhas também ajudam a remover as células mortas do couro cabeludo e a equilibrar os níveis de oleosidade.

O Poliquaternium 7 age como agente condicionante, facilitando o pentear dos cabelos e deixando-os fios maleáveis e condicionados.

A Amida 90 age como espessante, reduzindo a quantidade de sal para o acerto da viscosidade e também proporciona a formação de uma espuma rica e estável, onde as bolhas de espuma formadas pelo shampoo demoram mais para se desfazer.

Todos os componentes você encontra na Casa do saboeiro, menos o Poliquaternium e o Extrato glicólico de algas marinhas.

Formula para fazer o shampoo premium para cabelos oleosos:

Lauril éter sulfato de sódio 2800 g
Amida 90 180 g
Poliquaternium 7 400 g
Extrato glicólico de algas marinhas 100 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 6470 g

Modo de fazer o premium para cabelos oleosos:

Em um recipiente adicione a Água deionizada, sob agitação moderada adicione o EDTA dissódico, Lauril éter sulfato de sódio, Amida 90 e misture até homogeneização.

Verificar o pH (com a fita de medir ou com o aparelho pHmetro) que deve ficar entre 5,5 a 6,5. Se for necessário acerte o pH utilizando solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada.

Depois adicione sob agitação o Extrato glicólico de algas marinhas, Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture até homogeneização.

Colorir com solução de Corante diluído em Água deionizada até obter a cor desejada.

Solubilizar Cloreto de sódio em Água deionizada e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o xampu ficar espesso (grosso).

Tampar e deixar em repouso até a espuma formada durante a agitação abaixar, depois embalar nos frascos plásticos para xampu.

Formula shampoo Popular cabelos secos

Como fazer shampoo popular para cabelos secos com Poliquaternium 7

O shampoo popular é indicado para a venda nas classes sociais com um poder aquisitivo baixo, o produto fica com o menor preço se comparado com o Premium e o Regular. Em todas as classes sociais, tanto pessoas do sexo masculino como do sexo feminino utilizam xampus, principalmente para a higienização dos cabelos.

Contém uma quantidade baixa de tensoativos e agentes de condicionamento, podemos dizer que é um shampoo de “preço popular”, se comparado ao Premium ou Regular.

Esta formula de xampu fica mais barata do que a formula para fazer o Premium e o Regular, possui uma quantidade reduzida de agentes de limpeza e condicionamento. Para obter um bom produto é necessário unir bons produtos químicos, embalagem bonita (frasco e rotulo), preço competitivo e uma fragrância agradável. O produto deve agradar tanto o publico feminino como o masculino, a fragrância deve ser suave, com um perfume que agrade homens e mulheres.

O Lauril éter sulfato de sódio é um dos principais espumantes para xampus e sabonetes líquidos, possui a capacidade de formar bastante espuma e tem um custo baixo.

O Cocoamidopropil betaina é um tensoativo anfótero que promove formação de espuma e promove suavidade ao produto, ele também age oferecendo condicionamento aos fios capilares.

A Dietanolamida de ácido graxo de coco (Amida 90) é um tensoativo não-iônico que proporciona espessamento e poder de sobreengorduramento, a espuma fica estável e rica, demorando mais tempo para se desfazer.

O Poliquaternium 7 é uma solução aquosa catiônica de um copolímero de cloreto de dialildimetilamônio e acrilamida. Poliquaternium 7 é muito utilizado na indústria de cosméticos, altamente efetivo em formulas de cosméticos para o cuidado da pele e cabelo. Em xampus age como estabilizador da espuma, agente antiestático, desembaraçante e promove condicionamento aos fios capilares.

A Base perolizante promove formação de espuma e age como perolizante, deixando o produto branco e com brilho perola. Xampus com brilho perolado tem um aspecto mais sofisticado se comparado com os transparentes. O brilho perola agrega mais valor ao produto cosmético.

Fórmula para fazer o shampoo Popular para cabelos secos:

Lauril éter sulfato de sódio 1700 g
Cocoamidopropil betaina 200 g
Amida 90 200 g
Base perolizante 200 g
Poliquaternium 7 130 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA (conservante) 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 7520 g

Modo de fazer o shampoo Popular para cabelos secos:

Em um balde plástico adicione a Água deionizada, adicione posteriormente o EDTA dissódico e misture para homogeneizar utilizando uma pá de plástico ou de aço inoxidável, não utilize pá de madeira.

Depois adicionar sob agitação moderada o Lauril éter sulfato de sódio, Cocoamidopropil betaina, Amida 90, Base perolizante e misture até ficar homogêneo.

Sob agitação adicione o Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture para homogeneizar.

Retire uma pequena amostra e verifique o pH, que deve ficar entre 5,0 a 6,5. Se for necessário ajuste o pH com solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada, adicionando aos poucos e com agitação e ir verificando com a fita de medir pH ou pHmetro.

Depois ir adicionando Corante diluído em Água deionizada, aos poucos até obter cor desejada, ou deixe sem Corante que também fica bonito o produto, visto que fica branco com brilho perolado.

Em seguida diluir um pouco de Cloreto de sódio em água e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o shampoo engrossar.

Produto para lavar os cabelos com agente perolizante deve ficar bem grosso (viscoso) para que não haja sedimentação das partículas do perolizante no fundo do frasco.

Caso queira um xampu transparente, não adicione a base perolizante.

Aguarde a espuma formada durante a mistura/agitação abaixar e depois embale nos frascos plásticos.

Formula shampoo Regular cabelos secos

Como fazer shampoo Regular para cabelos secos com agente condicionador

O shampoo Regular é indicado para a venda nas classes sociais com um poder aquisitivo intermediário, fica entre as classes de maior poder aquisitivo e de menor poder aquisitivo. Em todas as classes sociais, tanto homens como mulheres fazem uso de produtos cosméticos, principalmente para a higienização dos cabelos. Foi se o tempo em que as pessoas usavam sabões comuns para lavar suas madeixas.

Contém uma quantidade intermediaria de tensoativos e agentes de condicionamento, podemos dizer que é um shampoo de “preço regular”, se comparado ao Premium ou popular.

Então, este xampu fica mais barato que o Premium e mais caro do que o popular, possui uma menor quantidade de agentes de limpeza e condicionamento se comparado com a formula do Premium. Para obter um bom produto é necessário unir bons produtos químicos, embalagem bonita (frasco e rotulo), preço competitivo e uma fragrância agradável. O produto deve agradar tanto o publico feminino como o masculino, a fragrância deve ser suave, com um perfume que agrade homens e mulheres.

O Lauril éter sulfato de sódio é um dos principais espumantes para xampus e sabonetes líquidos, promove formação de bastante e tem um custo/beneficio baixo.

O Cocoamidopropil betaina é um co-tensoativo que promove formação de espuma e suavidade ao produto, ele também age oferecendo condicionamento aos fios capilares.

A Dietanolamida de ácido graxo de coco (Amida 90) é um tensoativo não-iônico que proporciona espessamento e poder de sobreengorduramento, a espuma fica estável e rica, demorando mais tempo para se desfazer.

O Poliquaternium 7 é uma solução aquosa catiônica de um copolímero de cloreto de dialildimetilamônio e acrilamida. Poliquaternium 7 é muito utilizado na indústria de cosméticos, altamente efetivo em formulas de cosméticos para o cuidado da pele e cabelo. Em xampus age como estabilizador da espuma, agente antiestático, desembaraçante e promove condicionamento aos fios capilares.

A Base perolizante promove formação de espuma e age como perolizante, deixando o produto branco e com brilho perola. Xampus com brilho perolado tem um aspecto mais sofisticado se comparado com os transparentes. O brilho perola agrega mais valor ao produto cosmético.

Fórmula para fazer o shampoo Regular para cabelos secos:

Lauril éter sulfato de sódio 2000 g
Cocoamidopropil betaina 300 g
Amida 90 270 g
Base perolizante 400 g
Poliquaternium 7 250 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA (conservante) 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 6730 g

Modo de fazer o shampoo Regular para cabelos secos:

Em um balde plástico adicione a Água deionizada, adicione posteriormente o EDTA dissódico e misture para homogeneizar utilizando uma pá de plástico ou de aço inoxidável, não utilize pá de madeira.

Depois adicionar sob agitação moderada o Lauril éter sulfato de sódio, Cocoamidopropil betaina, Amida 90, Base perolizante e misture até ficar homogêneo.

Sob agitação adicione o Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture para homogeneizar.

Retire uma pequena amostra e verifique o pH, que deve ficar entre 5,0 a 6,5. Se for necessário ajuste o pH com solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada, adicionando aos poucos e com agitação e ir verificando com a fita de medir pH ou pHmetro.

Depois ir adicionando Corante diluído em Água deionizada, aos poucos até obter cor desejada, ou deixe sem Corante que também fica bonito o produto, visto que fica branco com brilho perolado.

Em seguida diluir um pouco de Cloreto de sódio em água e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o shampoo engrossar.

Produto para lavar os cabelos com agente perolizante deve ficar bem grosso (viscoso) para que não haja sedimentação das partículas do perolizante no fundo do frasco.

Caso queira um xampu transparente, não adicione a base perolizante.

Aguarde a espuma formada durante a mistura/agitação abaixar e depois embale nos frascos plásticos.

Formula shampoo Premium cabelos secos

Como fazer shampoo para cabelos secos Premium com agente condicionador

O shampoo premium é indicado para a venda nas classes sociais com um poder aquisitivo mais alto. Em todas as classes sociais, tanto homens como mulheres fazem uso de produtos cosméticos, principalmente para a higienização dos cabelos. Foi se o tempo em que as pessoas usavam sabões comuns para lavar suas madeixas.

Contém uma quantidade maior de tensoativos e agentes de condicionamento, podemos dizer que é um shampoo de “preço caro”, se comparado ao regular ou popular.

O Lauril éter sulfato de sódio é um dos principais espumantes para xampus e sabonetes líquidos, promove formação de bastante e tem um custo/beneficio baixo.

O Cocoamidopropil betaina é um co-tensoativo que promove formação de espuma e suavidade ao produto, ele também age oferecendo condicionamento aos fios das madeixas.

A Dietanolamida de ácido graxo de coco (Amida 90) é um tensoativo não-iônico que proporciona espessamento e poder de sobreengorduramento, a espuma fica estável e rica, demorando mais tempo para se desfazer.

O Poliquaternium 7 é uma solução aquosa catiônica de um copolímero de cloreto de dialildimetilamônio e acrilamida. Poliquaternium 7 é muito utilizado na indústria de cosméticos, altamente efetivo em formulas de cosméticos para o cuidado da pele e cabelo. Em xampus age como estabilizador da espuma, agente antiestático, desembaraçante e promove condicionamento aos fios capilares.

A Base perolizante promove formação de espuma e age como perolizante, deixando o produto branco e com brilho perola. Xampus com brilho perolado tem um aspecto mais sofisticado se comparado com os transparentes. O brilho perola agrega mais valor ao produto cosmético.

Fórmula para fazer o shampoo para cabelos secos Premium:

Lauril éter sulfato de sódio 2300 g
Cocoamidopropil betaina 500 g
Amida 90 300 g
Base perolizante 400 g
Poliquaternium 7 400 g
Cloreto de sódio qs
Essência 30 g
Corante qs
Ácido cítrico qs
Koralone LA (conservante) 10 g
EDTA dissódico 10 g
Água deionizada 6050 g

Técnica para fazer o shampoo para cabelos secos Premium:

Em um balde plástico adicione a Água deionizada, adicione posteriormente o EDTA dissódico e misture para homogeneizar utilizando uma pá de plástico ou de aço inoxidável, não utilize pá de madeira.

Depois adicionar sob agitação moderada o Lauril éter sulfato de sódio, Cocoamidopropil betaina, Amida 90, Base perolizante e misture até ficar homogêneo.

Sob agitação adicione o Poliquaternium 7, Essência, Koralone LA e misture para homogeneizar.

Retire uma pequena amostra e verifique o pH, que deve ficar entre 5,0 a 6,5. Se for necessário ajuste o pH com solução de Ácido cítrico diluído em Água deionizada, adicionando aos poucos e com agitação e ir verificando com a fita de medir pH ou pHmetro.

Depois ir adicionando Corante diluído em Água deionizada, aos poucos até obter cor desejada, ou deixe sem Corante que também fica bonito o produto, visto que fica branco com brilho perolado.

Em seguida diluir um pouco de Cloreto de sódio em água e ir adicionando aos poucos e sob agitação até o shampoo engrossar.

Produto para lavar os cabelos com agente perolizante deve ficar bem grosso (viscoso) para que não haja sedimentação das partículas do perolizante no fundo do frasco.

Caso queira um xampu transparente, não adicione a base perolizante.

Aguarde a espuma formada durante a mistura/agitação abaixar e depois embale nos frascos plásticos.